Notícias

VER TODOS

Nota de apoio à Corregedora-Geral da PCSC

Nota de apoio à Corregedora-Geral da PCSC

A Associação dos Delegados de Polícia do Estado de Santa Catarina (ADEPOL-SC) vem a público expressar apoio à Exma. Sra. Dra. Sandra Mara Pereira, Delegada de Polícia Civil e Corregedora-Geral da PCSC, a qual, após sindicância, determinou o arquivamento de "denúncia" apresentada contra a Dra. Marcela Sanae França Goto e um outro policial civil, por suposta infração administrativa praticada pelos policiais no exercício de suas funções na cidade de Palhoça.

Todavia, tal decisão, de forma fundamentada, gerou insatisfação da "denunciante", a qual, em vídeo que está circulando nas redes sociais, critica a atuação da Corregedora-Geral.

A ADEPOL/SC externa total apoio às medidas adotadas pela Corregedoria da -Polícia Civil, em especial pela decisão da Dra. Sandra Mara Pereira, que, agindo dentro das suas atribuições, arquivou os procedimentos.

A Corregedoria atua com rigor e serenidade, buscando a análise das denúncias com imparcialidade e cumprindo os rigores da lei. Por esse motivo, respeitamos e apoiamos as decisões adotadas pela Exma. Sra. Dra. Sandra Mara Pereira, na certeza da mais correta e justa decisão.

A função do Delegado de Polícia é essencial à Justiça. Ele possui autonomia jurídica e independência funcional, devendo atuar dentro da lei, sendo suas manifestações pessoais um direito assistido pela Constituição da República.

Os atos que forem considerados injuriosos e difamatórios serão devidamente apurados.

Conforme palavras do próprio ministro do Supremo Tribunal Federal, José Celso de Mello Filho, o Delegado de Polícia é o primeiro garantidor da Justiça e da liberdade.

Diretoria ADEPOL-SC

 

PUBLICIDADE damasio interno Anuncie

Outras Notícias

VER TODOS