Notícias

VER TODOS

Polícia Civil deflagra Operação Narciso contra comércio ilegal de anabolizantes

Polícia Civil deflagra Operação Narciso contra comércio ilegal de anabolizantes

A Polícia Civil, da DPCO/Fron de Maravilha, deflagrou na tarde de ontem, terça-feira (23), a Operação Narciso, contra o comércio ilegal de anabolizantes, nome que faz referência à mitologia grega onde o termo simbolizava o orgulho e a vaidade. Durante o cumprimento do Mandado de Busca e Apreensão na residência do suspeito, no bairro Pioneiro em Maravilha, foram localizados vários medicamentos anabolizantes de uso controlado, os quais não possuem origem lícita e nem certificação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. 

A investigação, desenvolvida pelo Setor de Investigação Criminal da Delegacia de Polícia de Fronteira de Maravilha, teve início há cerca de dois meses, após uma informação recebida através do WhatsApp de denúncia da Delegacia.

A partir das informações recebidas  e de diligências preliminares, os agentes identificaram um homem de 29 anos de idade, natural de Anchieta, que estava comercializando fármacos com propriedades anabolizantes a consumidores locais. O suspeito adquiria os produtos, oriundos do Estado de São Paulo, pela internet  e os recebia via empresa de transporte.

Foram apreendidos fármacos como: Durateston, Metandrostenolona, Boldenone, Drostanolone, Decanoato de Nandrolona, Testosterona, Anastrozole e Tamoxifen, várias seringas, agulhas, embalagens para possível comercialização dos produtos, de forma que restou caracterizada a infração penal descrita no Art. 273, §§1º, e 1º-B, incisos I e V, do Código Penal, a qual prevê pena de reclusão, de 10 a 15 anos, tratando-se de crime contra a saúde pública.

Haja vista a prática ilegal, foi representado por mandado de busca e apreensão na residência do suspeito, o que obteve parecer favorável do Ministério Público e foi deferido pelo Poder Judiciário da Comarca de Maravilha.

Diante do fato, o investigado foi preso em flagrante delito e conduzido à Unidade Prisional Avançada de Maravilha, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Colabore com a Polícia Civil. Denuncie. Disque 181 ou WhatsApp (49) 98802-9599. Não é necessária a identificação

PUBLICIDADE damasio interno

Outras Notícias

VER TODOS