Notícias

VER TODOS

Polícia Civil investiga três casos de suicídio nas últimas 24 horas

Polícia Civil investiga três casos de suicídio nas últimas 24 horas

A Polícia Civil, por meio das Delegacias de Polícia de Fronteira das Comarcas de Cunha Porã, Maravilha e São José do Cedro, investiga a ocorrência de três casos de possíveis suicídios ocorridos nas últimas 24 horas.

O 1º caso ocorreu no domingo (23), por volta das 07h11min, na Linha Salete, interior do município de Cunha Porã. A vítima, mulher de 51 anos de idade, que, segundo investigações iniciais, possuía depressão e fazia uso continuo de medicamentos. A vítima foi localizada no porão da residência, local este onde suicidou-se.

O segundo caso ocorreu ontem, segunda-feira (24) , por volta das 00h30min, no Bairro Santa Rita, município de São José do Cedro. A vítima, homem de 39 anos de idade, que, segundo investigações iniciais, ceifou a própria vida.

Já o 3º caso também ocorreu ontem, segunda-feira (24), por volta das 06h40min, na Linha São Paulo, interior do município de Maravilha. A vítima, homem de 44 anos de idade, que, segundo investigações iniciais, possuía depressão e fazia uso de medicamentos. A vítima foi localizada na própria residência por vizinho da propriedade.

Em todos os casos, a Polícia Civil adotou providências imediatas iniciais, inclusive com perícia técnica criminal através do IGP (Instituto Geral de Perícias) de SMO, tendo as Delegacias das Comarcas de Cunha Porã, São José do Cedro e Maravilha instaurado o competente Inquérito Policial para completa apuração dos fatos. 

Oportuno registrar que setembro é o mês mundial de prevenção do suicídio, chamado também de Setembro Amarelo. Segundo o CVV – Centro de Valorização da Vida, o assunto que já foi um tabu muito maior, ainda enfrenta grandes dificuldades na identificação de sinais, oferta e busca por ajuda, justamente pelos preconceitos e falta de informação. 

O Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone 188, email e chat 24 horas todos os dias. Mais informações no site https://www.cvv.org.br/

Por fim, a Polícia Civil orienta a população em geral a fim de que fiquem atentos aos familiares, amigos e colegas, no tocante a indícios de comportamentos atípicos e que possam colocar em risco a própria vida e de terceiros, buscando apoio do CVV ou de outros profissionais capacitados.

PUBLICIDADE damasio interno

Outras Notícias

VER TODOS