Notícias

VER TODOS

Polícia Civil realiza Operação Marias contra violência doméstica

Polícia Civil realiza Operação Marias contra violência doméstica

A Polícia Civil de Santa Catarina cumpriu 68 mandados de prisão, sendo sete deles prisão em flagrante; 24 mandados de busca e apreensão; e fiscalizou 1218 medidas protetivas na Operação "Marias".
A Operação que tem caráter nacional, em parceria com o Conselho Nacional dos Chefes de Polícia (CONCPC), mobilizou mais de 350 policiais civis em todas as 30 Delegacias Regionais. Além disso, a Operação também é realizada em outros Estados do Brasil.

O trabalho que tem como objetivo a redução dos índices de violência doméstica no Estado, em especial do feminicídio, promove ações que extraiam dos agressores qualquer sentimento de impunidade.
As prisões são preventivas e foram determinadas pela Justiça ou em flagrante. Os motivos são: crimes como violência sexual, estupro de vulnerável, ameaça, lesão corporal, descumprimento de medida protetiva e posse irregular de arma de fogo.

O Delegado Geral Paulo Koerich enfatizou a Operação em entrevista coletiva nesta manhã, na Delegacia Geral, em Florianópolis, lembrando a importância da denúncia em casos relacionados a estes delitos.

Segundo a coordenadora das DPCAMIs (Delegacias de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso), delegada Patrícia Zimmermann, os policiais continuarão as buscas e os mandados judiciais relacionados.

O nome “Marias” faz referência à Maria da Penha Maia Fernandes, vítima de violência doméstica e referência na luta em defesa dos direitos da mulher, cujo nome originou à lei “Maria da Penha”. Estima-se que ao final da Operação sejam cumpridos 81 mandados de prisão.

FONTE: Polícia Civil

PUBLICIDADE fg interno FG seguros 1

Outras Notícias

VER TODOS